Em Milão, Kawasaki apresenta Versys-X 300, versão estradeira da Ninja 300


A Kawasaki apresentou nessa terça-feira (8), na abertura do Salão de Milão a Versys-X 300, versão estradeira da Ninja 300. O objetivo é rivalizar com Yamaha Ténéré 250 e a recém-lançada BMW G310GS.

kawasaki-versys-x-300-2018-capaA chegada do modelo já era aguardada há meses, já que várias evidencias apontavam que a Kawasaki estava planejando aumentar a linha 250/300cc. Depois da pioneira Ninja 300 e da Z300 (naked), tudo indicava que a família Versys seria a próxima a ganhar uma irmã caçula.

Assim sendo, a Versys-X 300 possui o mesmo motor de dois cilindros paralelos, 296cc e refrigeração líquida da Ninja 300 e Z300, capaz de desenvolver 40 cv. O quadro, no entanto, é inteiramente novo e as suspensões convencionais, mais altas. As bengalas dianteiras tem 41 mm enquanto o amortecedor traseiro é a gás.

De acordo com a pequena apresentação realizada no estande da marca momentos atrás, o objetivo foi criar uma motocicleta capaz de ser confortável tanto na cidade quanto na estrada abrindo “um vasto cruzamento de novos pilotos”, novatos e experientes.

Montada em rodas raiadas de 19 e 17 polegadas, a Versys-X 300 possui um design claramente inspirado nas irmãs maiores de 650 e 1000cc, principalmente nas aletas laterais do radiador, no formato do farol e do tanque de combustível de estilo piramidal, em dois tons.

Outra característica em total sintonia com a família Versys é o largo assento de dois níveis, bastante luxuoso e confortável. O guidão é largo e alto, permitindo uma posição de pilotagem relaxada. O painel é de misto, com conta-giros analógico e demais informações digitais, como indicador de marchas e computador de bordo que analisa o consumo médio e instantâneo.

Um dos grades diferenciais da Versys-X 300 frente às rivais é a embreagem deslizante, de acionamento menos pesado e que ainda previne o travamento da roda traseira em frenagens bruscas. Os freios, dois discos simples, com pinças da marca Nissin de dois pistões possuem ABS de série.

A Kawasaki também informou que irá disponibilizar duas versões da moto: a Urban, que terá adesivo no tanque, protetores de manoplas, cavalete central e baú de 30 litros; e a Adventure, com as mesmas características, mais um protetor de motor (o popular “mata-cachorro”) e dois alforjes de 17 litros cada.