Superbike Brasil: após corrida de recuperação, Granado vence em Londrina


Eric Granado venceu hoje (27) o Grande Prêmio de Londrina, quinta etapa do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade, o Superbike Brasil. Ao contrário do que se imaginava, o piloto da Honda Racing não teve vida fácil e teve que realizar uma corrida de recuperação para conquistar o seu terceiro triunfo na temporada.

eric-granado-superbike-brasil-2017-5o-etapa-londrinaApesar de ter assegurado a pole position com grande folga ontem (26), Granado largou mal e perdeu posições para Diego Faustino, Alex Barros, Diego Pierluigi e Wesley Gutierrez, caindo para quinto nas primeiras voltas.

Enquanto Faustino assumia a liderança, Pierluigi ultrapassou Barros e foi ao seu encalço. Granado, enquanto isso fazia o mesmo com Gutierrez, pulando para a quarta posição ainda nos primeiros estágios da corrida.

Faustino e Pierluigi abriram vantagem na frente, deixando Barros como uma presa fácil para Granado, que não teve dificuldades em também superar o lendário piloto brasileiro. O #151 foi em busca da liderança, mas quase perdeu o controle de sua CBR1000RR na saída da última curva do circuito paranaense.

Granado precisou de algumas voltas para se restabelecer do erro mas, não demorou muito para encostar em Pierlugi, roubando-lhe a segunda posição. Logo em seguida fez o mesmo sobre Faustino, retomando o comando da corrida poucas voltas antes da bandeirada de chegada.

Pierluigi também conseguiu superar Faustino, que completou a prova na terceira posição. O mesmo pode-se dizer de Gutierrez, que ultrapassou Barros e finalizou a corrida em quarto. Danilo Lewis e Joelsu ‘Mitiko’ completaram os sete primeiros colocados.

Superbike Brasil – 5º etapa (Londrina)
1. Eric Granado (Honda Racing)
2. Diego Pierluigi (Hibridus Honda)
3. Diego Faustino (Honda Racing)
4. Wesley Gutierrez (Kawasaki)
5. Alex Barros (Hibridus Honda)
6. Danilo Lewis (Tecfil Havoline BMW)
7. Joelsu ‘Mitiko’ (PRT-BMW)


Sobre Lucas Carioli

Publicitário de formação, jornalista por opção, principalmente sobre o motociclismo, o único "ismo" que pratica. Quando não está escrevendo ou tocando rock, está perdido em alguma estrada com sua moto.