Davies vence com tranquilidade a segunda corrida do World Superbike na França

Chaz Davies venceu hoje (1º) a segunda e última corrida do World Superbike no circuito de Magny-Cours, na França, superando o frustrante resultado conquistado no sábado. Alex Lowes e Michael van der Mark completaram o pódio, dando a Yamaha o seu melhor resultado desde o retorno da marca dos diapasões a categoria.

Chaz Davies supera desempenho ruim do sábado e vence a segunda corrida em Magny-Cours. (Foto: WorldSBK)

Chaz Davies supera desempenho ruim do sábado e vence a segunda corrida em Magny-Cours. (Foto: WorldSBK)

A segunda corrida do Word Superbike realizada hoje (1º) na França foi vencida com tranquilidade por Chaz Davies. O piloto galês da Ducati, que largou na décima posição, fez uma ótima saída após o apagar das luzes vermelhas e ainda nas primeiras voltas, já aparecia como o grande líder.

O inicio da corrida teve como o fato mais marcante, o incidente entre Jonathan Rea e Eugeny Laverty. Laverty caiu perto da entrada dos boxes, ainda antes da primeira volta ser completada. Rea, o atual tricampeão mundial, não teve tempo de evitar o contato com o seu lado direito na Aprilia caída. Rea não caiu, mas sua moto ficou avariada e o norte-irlandês sentiu dores no pé direito, recebendo tratamento com gelo nos boxes.

A corrida prosseguia com Davies na primeira posição, com Alex Lowes e Leon Camier disputando o segundo lugar. Atrás deles, a briga pelo quarto lugar envolviam Michael van der Mark, Marco Melandri e Xavi Forés. Laverty, de forma surpreendente, conseguiu continuar na corrida após a queda, mas ficou com uma volta de atraso em relação a quase todos os pilotos na pista.

Camier tentou fazer uma investida sobre Lowes, conseguindo superar o inglês da Yamaha antes da metade da corrida. Mas poucas voltas depois, Lowes conseguiu recuperar a segunda posição. Pouco depois da metade da corrida, Camier sofreu problemas em sua MV Agusta, o tirando de forma frustrante da chance mais clara de pódio nesta temporada.

Com Camier fora, a Yamaha viu van der Mark subir para terceiro, o que significava seus dois pilotos no pódio. Van der Mark chegou a tentar disputar o segundo lugar com Lowes, mas o piloto inglês não deixou espaços para o seu colega de equipe, que chegou a se salvar de quedas pelo menos duas vezes.

Marco Melandri, que na primeira corrida do final de semana havia conseguido um grande desempenho resultando no segundo lugar, dessa vez não conseguiu repetir o feito. O italiano foi superado por Xavi Forés e Lorenzo Savadori ainda na metade da corrida. Nas últimas voltas, ainda teve que disputar ferrenhamente posição com Leandro Mercado, que deixou Tom Sykes solitário em oitavo.

Na última, Savadori teve problemas mecânicos e sua Aprilia e foi forçado a abandonar. Melandri, que havia perdido sua posição para Mercado, conseguiu se recuperar a poucas curvas para o final.

Davies venceu a prova com pouco mais de três segundos de vantagem sobre Lowes. Van der Mark completou o pódio, dando a Yamaha o melhor resultado desde o seu retorno a categoria, demonstrando uma evolução rápida como equipe oficial no World Superbike. Forés concluiu a prova em um bom quarto lugar, enquanto Melandri finalizou em quinto, logo a frente de Mercado. Sykes, Jordi Torres, Román Ramos e Raffaele de Rosa fecharam o top 10 da corrida.

Clique aqui para conferir o resultado completo. A próxima etapa do World Superbike, que será a última na Europa, será em Jerez, na Espanha, entre os dias 20 a 22 de outubro.

Sobre Daniel Machado

Estudante de administração, aprendeu a gostar das corridas em duas rodas graças a Alex Barros. Curte também um bom Rok'n Roll e viajar pelo Brasil. Escreve sobre corridas desde 2009 e acompanha diversas categorias sobre as duas rodas.