Hiroshi Aoyama substituirá Miller no GP do Japão


O piloto de testes da Honda Hiroshi Aoyama foi escalado hoje (6) para substituir Jack Miller no Grande Prêmio do Japão de MotoGP, que acontece na semana que vem. O australiano quebrou a perna em um treino particular.

Hiroshi AoyamaAoyama, que foi campeão mundial das 250cc em 2009 (hoje Moto2) regularmente é escolhido para substituir algum piloto titular da Honda, seja na equipe principal ou em alguma das satélites, como é o caso da Marc VDS de Miller. O japonês, portanto, conhece bem a moto e a pista de Motegi.

Em primeiro lugar, eu quero desejar a Jack uma recuperação rápida e espero que ele esteja apto para competir no Grande Prêmio de sua casa em Phillip Island“, disse Aoyama. “Nunca é bom substituir um piloto ferido, mas espero que eu possa fazer um bom trabalho em Motegi. Também quero agradecer a equipe Marc VDS por me dar a oportunidade de correr de novo frente aos fãs japoneses”, continuou.


Aoyama, de 35 anos substituiu Dani Pedrosa e Tito Rabat na temporada passada, mas ainda não entrou na pista esse ano. “O fato de eu já conhecer muito da equipe, depois de ter trabalhado com eles no passado, ajudará muito, assim como ter um piloto com a experiência de Tito no outro lado da garagem. Estou ansioso!“, encerrou.

Curiosamente, a rival Yamaha também já escalou o seu piloto de testes para o Grande Prêmio do Japão, o vitorioso Katsuyuki Nakasuga. O japonês irá pilotar uma YZR-M1 experimental, a primeira versão da motocicleta que Valentino Rossi e Maverick Viñales irão utilizar em 2018.


Sobre Lucas Carioli

Publicitário de formação, jornalista por opção, principalmente sobre o motociclismo, o único "ismo" que pratica. Quando não está escrevendo ou tocando rock, está perdido em alguma estrada com sua moto.