Byrne crava a pole para a primeira corrida do British Superbike em Brands Hatch

Shane Byrne dominou hoje (14) o treino classificatório do British Superbike em Brands Hatch, última etapa da temporada, e ficou com a pole position. Josh Brookes e Christian Iddon completam a primeira fila. Leon Haslam, líder do campeonato, caiu durante a última parte da sessão classificatória e vai partir da quarta posição.

Shane Byrne domina treino classificatório em Brands Hatch e fica com a pole. (Foto: Motorcycle News)

Shane Byrne domina treino classificatório em Brands Hatch e fica com a pole. (Foto: Motorcycle News)

Shane Byrne mostrou hoje (14), em Brands Hatch, porque ainda não pode ser descartado da briga do titulo da atual temporada do British Superbike. O piloto da Be Wiser Ducati dominou o treino classificatório no tradicional circuito britânico e com uma espetacular volta de 1m24s163, marcou a pole position com direito a novo registro de volta recorde.

Byrne foi mais de meio segundo mais rápido que Josh Brookes, atual vice-líder do campeonato. O australiano conseguiu o importante segundo posto já no final da classificação, que acabou sendo interrompida por algum tempo devido ao acidente de John Hopkins.

A primeira fila é completada por Christian Iddon. O piloto da Tyco BMW não está entre os seis pilotos que disputam o “Showdown”, mas pode ser um piloto chave ao se “intrometer” no meio daqueles que estão na briga pelo titulo. O britânico superou Leon Haslam, líder do campeonato, que acabou caindo durante o treino e vai partir da quarta colocação.

Jason O’Halloran, que está no Showdown mas sem chances de titulo, vai partir da quinta posição, logo a frente do seu companheiro de equipe Dan Linfoot, que vem se destacando nas últimas etapas com direito a duas grandes vitórias. Além de Iddon e Linfoot, mais um piloto fora da briga pelo titulo e que pode ser importante nas três corridas deste final de semana e que larga entre os dez primeiro é James Ellison, que vai largar na sétima posição.

Jake Dixon, mais um dos seis pilotos que estão no grupo dos seis primeiros do campeonato, vai partir do nono posto, duas posições a frente de Peter Hickman, que foi o piloto do Showdown a ter o pior posicionamento no grid de largada. Sylvain Guintoli, vencedor da última corrida de Assen, vai partir apenas da 11ª posição.

Alguns pilotos foram chamados para a última etapa do campeonato para uma participação especial. Michael Rutter, experiente piloto de corridas de estrada e que disputa regularmente o Campeonato Britânico de Superstock 1000, vai partir da 21º posição. Kyle Ryde, que atualmente pilota no Campeonato Mundial de Supersport, vai largar logo atrás de Rutter no grid.

Sobre Daniel Machado

Estudante de administração, aprendeu a gostar das corridas em duas rodas graças a Alex Barros. Curte também um bom Rok'n Roll e viajar pelo Brasil. Escreve sobre corridas desde 2009 e acompanha diversas categorias sobre as duas rodas.