Honda celebra a produção mundial de 100 milhões de Super Cubs


A Honda anunciou hoje (19) o marco de 100 milhões de Super Cubs produzidas globalmente. O registro histórico foi comemorado com evento comemorativo no Japão.

1958 Honda C100 Super Cub.

Honda C100 Super Cub 1958. (Divulgação)

A cerimônia aconteceu na fábrica de Kumamoto, com a presença de representantes dos municípios locais, fornecedores, assim como colaboradores e executivos da empresa, entre eles o presidente e CEO da marca, Takahiro Hachigo.

A Honda Super Cub atende as expectativas de nossos consumidores e traduz a paixão da Honda em servir as pessoas em todo o mundo com a alegria de expandir o potencial de suas vidas“, disse Takahiro Hachigo, Presidente e Diretor Representante, CEO da Honda.


A produção em massa da Super Cub C100, teve início em Agosto de 1958, na planta de Yamato (hoje fábrica de Wako em Saitama). Hoje, a Honda produz motocicletas Super Cubs em dezesseis unidades, em quinze países ao redor do globo.

Como resultado, a Super Cub tem sido admirada por consumidores ao redor do globo e foi capaz de atingir a marca de 100 milhões de unidades produzidas”, continuou Hachigo. “Por isso, a Honda continuará evoluindo de acordo com as mudanças dos tempos e se esforçando para oferecer produtos que vão além das expectativas de nossos consumidores“.

A primeira geração da Super Cub C100 ainda utilizava motor de 2 tempos. Contudo, logo a motoneta foi equipada com um inovador 4 tempos de 50cc, o que trouxe mais economia e durabilidade. Seu design único, com quadro de estrutura rebaixados trouxe mais conforto e facilidade ao subir e descer da motoneta e contribuíram para seu sucesso.

Em 2007, a Honda deu início à instalação de seu programa de injeção eletrônica na Super Cub C100, o que melhorou a desempenho ambiental do modelo. Mesmo passando por diversos avanços tecnológicos, o conceito básico e seu estilo geral se mantiveram inalterados, até os modelos atuais.

Marcos importantes da Honda Super Cub

1958

Início das vendas do Super Cub C100 (motor a 4 cilindros, OHV de cilindro único refrigerado a ar, 49cc, potência de 4,5 cavalos).

1959

Início das exportações para os EUA.

1960

Início da produção na fábrica de Suzuka.

1961

A produção global cumulativa da série Super Cub alcançou o marco de 1 milhão de unidades. Além disso, a produção baseada em conjuntos de componentes começou em Taiwan, sendo a primeira produção fora do Japão.

1964

As vendas do Super Cub C65 (o primeiro motor OHC) começaram.

1966

Início das vendas do Super Cub C50 (motor OHC).

1974

A produção global cumulativa da série Super Cub atingiu o marco de 10 milhões de unidades.

1983

Início das vendas de Super Cub 50 Super Custom. Alcançado o consumo de combustível de 180 km/ itro (valor de teste de velocidade constante de 30 km/h).

1988

Vendas de Press Cub começaram.

1991

Produção transferida para a fábrica de Kumamoto.

1992

A produção global cumulativa da série Super Cub atingiu um marco de 20 milhões de unidades.

1997

As vendas de Little Cub começaram.

2005

A produção global cumulativa da série Super Cub atingiu um marco de 50 milhões de unidades.

2007

O sistema de injeção de combustível controlado eletronicamente, o PGM-FI da Honda, foi instalado no Super Cub 50, Press Cub 50 e Little Cub.

2008

A produção global cumulativa da série Super Cub atingiu o marco de 60 milhões de unidades. 50º aniversário das vendas da Super Cub.

2009

Início das vendas do Super Cub 110 e Super Cub 110 Pro.

2012

Super Cub 110 e Super Cub 50 sofreram uma mudança de modelo completa.

2013

As vendas de Cross Cub começaram.

2014

O Super Cub tornou-se o primeiro veículo tridimensional a obter um registro de marca no Japão. A produção global cumulativa de motocicletas da Honda atingiu o marco de 300 milhões de unidades.

2017

Mudança de modelo do Super Cub 50, Super Cub 110, Super Cub 50 Pro, Super Cub 110 Pro.