Rali Dakar: Honda é roubada antes do embarque para a América do Sul


Uma Honda CRF450 Rally foi roubada na França enquanto aguardava o embarque para disputar o Rali Dakar na América do Sul. A motocicleta fazia parte da equipe oficial e tem valor avaliado em 300 mil euros.

honda-hrc-dakar-2018-embarque-nov-2017O roubo aconteceu na semana passada, entre 22 e 23 de novembro na área das docas de Le Havre, onde uma série de outros veículos do Dakar também estavam presentes. De acordo com o jornal Paris-Normandie, os ladrões arrombaram um caminhão e também levaram três capacetes.

Um inquérito policial foi aberto, com investigações centradas na recuperação da CRF 450 Rally avaliada em 300 mil euros, ou mais de 1 milhão de reais, sem impostos. A Honda HRC não revelou para qual piloto a motocicleta estava destinada.

Eles sequer revelaram o ocorrido em seus boletins oficais, se limitando a dizer que o embarque aconteceu em 25 de novembro com partida programada para o dia 27. “Todos com sucesso a bordo! Destino: Lima, Peru” disseram, não mencionando o roubo.

De acordo com o site Motojournal, mais de 500 veículos estavam esperando no porto de Le Havre para serem enviados à Lima, capital do Peru onde se dará início a 40º edição do Rali Dakar, no dia 6 de janeiro. A Honda HRC irá competir com Joan Barreda, Paulo Gonçalves, Kevin Benavides, Ricky Brabec e Michael Metge.


Sobre Lucas Carioli

Publicitário de formação, jornalista por opção, principalmente sobre o motociclismo, o único "ismo" que pratica. Quando não está escrevendo ou tocando rock, está perdido em alguma estrada com sua moto.