Suzuki registra projeto em que lasers atuam como dispositivos de segurança


Projetos de patente nem sempre veem a luz do dia, mas mostram as ideias insólitas que as montadoras pensam ou já pensaram em fazer. É o caso desse projeto recém-descoberto da Suzuki, onde a marca utiliza luzes de laser para iluminar o caminho e alertar outros motoristas.

suzuki-lasers-projector-patent-feb2018-3

Suzuki with lasers: sistema ajuda a clarear o caminho e tornar motociclista mais visível à noite. (Morebikes)

O projeto, descoberto pela imprensa britânica, foi montado sobre uma esportiva GSX-R1000 e consiste de pequenos sensores em caixas de projetores lasers montados nas laterais, dianteira e traseira da motocicleta.

US020170101147A120170413

O objetivo é criar uma espécie de “cerca” ao redor do motociclista.

Funcionando em conjunto com a centralina eletrônica da motocicleta, os projetores tem a função de iluminar melhor o chão que vai à frente do motociclista, ajustando o seu foco e distância de acordo com a velocidade e o estilo de pilotagem do piloto.

A sua principal finalidade não é necessariamente a iluminação e sim a segurança. Por isso, há também projetores montados nas laterais do tanque de combustível e na rabeta. Eles estão ali para alertar outros condutores de sua passagem, ajustando o foco de acordo com a aproximação de objetos estranhos.

O objetivo é tentar minimizar de uma vez por todas a famosa “invisibilidade” dos motociclistas por parte dos motoristas, principalmente à noite. O mais interessante é que o laser possibilita que a iluminação muda de cor e forma, se transformando em um grande “X” caso o condutor se aproxime demais, entre outros símbolos.

Como quase sempre acontece, não há previsão de lançamento para essa Suzuki com lasers. Mas, como se trata de um dispositivo relativamente simples (ao contrário de outros projetos com propulsão elétrica e outros) é possível que algo nesse sentido apareça em algum conceito em curto prazo. O Salão de Tóquio é propício para esses experimentalismos.


Sobre Lucas Carioli

Publicitário de formação, jornalista por opção, principalmente sobre o motociclismo, o único "ismo" que pratica. Quando não está escrevendo ou tocando rock, está perdido em alguma estrada com sua moto.