World Superbike: Rea renova com Kawasaki


Jonathan Rea confirmou hoje (11) a sua permanência na Kawasaki por mais duas temporadas. O britânico, que acaba de se tornar recordista absoluto de vitórias no World Superbike, ficará com a equipe verde até o final de 2020.

jonathan-rea-gp-da-republica-checa-2018-1Rea ingressou na Kawasaki em 2015, depois de alguns anos modestos na Honda e o sucesso foi imediato: três títulos consecutivos no Mundial de Superbike e o quarto bem encaminhado esse ano. Por esses motivos, o britânico não viu motivos para sair.

Estou mais do que feliz em continuar nas próximas duas temporadas com a Kawasaki“, comentou Rea. “Desde o final da última temporada já começamos a falar sobre a continuidade da nossa parceria, por isso é bom finalizar tudo agora, para que possamos nos concentrar nas corridas restantes de 2018“.

jonathan-rea-gp-da-republica-checa-2018-2Na última etapa, realizada na República Checa, Rea superou o recorde de vitórias de Carl Fogarty, intocável desde o final dos anos 1990. O piloto da Kawasaki agora soma nada menos do que 60 vitórias e lidera o atual campeonato com 270 pontos sobre 180 de Davies e 179 de seu companheiro de equipe, Tom Sykes.

Aqui é onde eu quero ficar. É claro que é natural continuar a escrever esta incrível história em conjunto e quero agradecer a todos na Kawasaki Racing Team por acreditarem em mim e por esta oportunidade“, continuou. “Juntos, trabalharemos mais do que nunca para manter a ZX-10RR à frente no WSBK.”

Antes de renovar o contrato Rea tentou uma mudança para a MotoGP. O seu empresário foi visto no Grande Prêmio da França, mês passado, mas as negociações não avançaram. O britânico já competiu na Categoria Rainha por duas etapas em 2012, substituindo o então lesionado Casey Stoner.


Sobre Lucas Carioli

Publicitário de formação, jornalista por opção, principalmente sobre o motociclismo, o único "ismo" que pratica. Quando não está escrevendo ou tocando rock, está perdido em alguma estrada com sua moto.