Lorenzo torce pela permanência de Pedrosa: “um dos cinco melhores atuais”


Jorge Lorenzo pode ter sido o responsável pela saída de Dani Pedrosa da Honda após 12 anos, mas isso não quer dizer que o pentacampeão queira vê-lo fora da MotoGP. O espanhol torce pela permanência do rival no próximo ano.

dani-pedrosa-e-jorge-lorenzo-gp-da-franca-2018Para mim ele é um dos cinco pilotos mais rápidos e talentosos do campeonato, e sem dúvida gostaria de tê-lo como rival próximo ano“, disse Lorenzo ontem (14), na entrevista coletiva que abre os trabalhos para o Grande Prêmio da Catalunha.

Minha entrada sacrificou um pouco seu lugar naquele time“, reconheceu Lorenzo, antes de reafirmar seu desejo de que permanceça. “Espero que ele não saia e continue insistindo, porque tenho certeza que ele pode continuar vencendo as corridas e até mesmo ser um campeão mundial no futuro“.

Pedrosa negou que venha a se aposentar e disse que tem boas propostas na mesa. Especula-se que uma delas seria ingressar na Yamaha em um novo time que está sendo montado pela Petronas e o chefe do circuito de Sepang, Hazlan Razali. Sobre isso, Lorenzo disse que seria uma ótima opção para o rival.

A Yamaha é uma motocicleta que, em certa medida, permite que você entenda os limites muito rapidamente“, comentou Lorenzo. “Ela é dócil e Dani sempre foi um piloto muito fino. Tenho certeza de que, se eu escolhesse essa opção, seria imediatamente rápido“, aposta.


Sobre Lucas Carioli

Publicitário de formação, jornalista por opção, principalmente sobre o motociclismo, o único "ismo" que pratica. Quando não está escrevendo ou tocando rock, está perdido em alguma estrada com sua moto.