Lorenzo torce pela permanência de Pedrosa: “um dos cinco melhores atuais”


Jorge Lorenzo pode ter sido o responsável pela saída de Dani Pedrosa da Honda após 12 anos, mas isso não quer dizer que o pentacampeão queira vê-lo fora da MotoGP. O espanhol torce pela permanência do rival no próximo ano.

dani-pedrosa-e-jorge-lorenzo-gp-da-franca-2018Para mim ele é um dos cinco pilotos mais rápidos e talentosos do campeonato, e sem dúvida gostaria de tê-lo como rival próximo ano“, disse Lorenzo ontem (14), na entrevista coletiva que abre os trabalhos para o Grande Prêmio da Catalunha.

Minha entrada sacrificou um pouco seu lugar naquele time“, reconheceu Lorenzo, antes de reafirmar seu desejo de que permanceça. “Espero que ele não saia e continue insistindo, porque tenho certeza que ele pode continuar vencendo as corridas e até mesmo ser um campeão mundial no futuro“.

Pedrosa negou que venha a se aposentar e disse que tem boas propostas na mesa. Especula-se que uma delas seria ingressar na Yamaha em um novo time que está sendo montado pela Petronas e o chefe do circuito de Sepang, Hazlan Razali. Sobre isso, Lorenzo disse que seria uma ótima opção para o rival.

A Yamaha é uma motocicleta que, em certa medida, permite que você entenda os limites muito rapidamente“, comentou Lorenzo. “Ela é dócil e Dani sempre foi um piloto muito fino. Tenho certeza de que, se eu escolhesse essa opção, seria imediatamente rápido“, aposta.