Viajante norte-americano transforma CBR1000F em “Moto Home”


Nada é impossível quando se tem vontade e criatividade. É o que nos prova esse viajante norte-americano, que transformou sua esportiva Honda CBR1000F em uma espécie de “Moto Home”.

motohome-1A obra é de Jeremy Carman, um estudante californiano de 26 anos, que estava farto de montar a barraca sempre que pegava a estrada com sua Honda CBR1000F 1993. Ao mesmo tempo, o motociclista não queria ter gastos extras com hospedagens em hotéis.

O que fazer nessa situação? Carman então colocou a mente para trabalhar e projetou uma espécie de cabine na traseira da motocicleta. Transformar a ideia em realidade, no entanto, necessitou muito mais modificações do que se imagina.

motohome-2

Carman, por exemplo, precisou trocar todo o trem dianteiro original pelo de uma Honda CR500 e alongou bastante o braço oscilante para suportar a cabine de cama e o compartimento de armazenamento. A roda traseira, contudo, pode permanecer a original.

E não foi só isso. A lateral esquerda virou uma espécie de “despensa”, onde ficam armazenados equipamentos indispensáveis para sobreviver longe dos centros urbanos, como itens para fazer fogueira e alimentos não perecíveis.

Incrivelmente, o peso da motocicleta permaneceu relativamente baixo, mesmo com toda a estrutura montada. Construída a partir de uma combinação de alumínio e fibra de vidro, a cabine pesa apenas 32 quilos, elevando o peso total para somente 280 kg, o mesmo que uma Honda Goldwing, por exemplo.

Enquanto ainda testa o chamado “Moto Home” em viagens curtas pelos Estados Unidos, Carman está planejando uma longa jornada pela América do Sul, passando pelos Andes, ida e volta. O viajante está à procura de investidores parceiros para a empreitada. Para mais informações sobre o projeto MotoHome, clique aqui.