Novo capacete tecnológico está prestes a entrar no mercado


O Skully AR-1 pode não ter dado certo, mas outros capacetes tecnológicos estão sendo desenvolvidos para revolucionar o mercado. É o caso dos modelos X e X-AR da marca Jarvish. A diferença é que estes já estão prontinhos para serem comercializados.

jarvish-x-ar-2018-capaOs cascos da empresa taiwandesa vêm equipados de série com duas câmeras de 360º, uma frontal e outra traseira, bem como alto-falantes e um microfone. E, assim como o Skully, informações são projetadas na viseira, bem na frente dos olhos do motociclista.

As informações disponibilizadas são sobre a velocidade, condições climáticas e navegação, através do aplicativo da Jarvish. Direções em formato de áudio também estão disponíveis para o modelo X, com todos os recursos em ambos os capacetes ativados usando sua voz.

E há mais. O cartão de memória removível tem 16 GB de espaço interno e cartões de 256 GB também estarão disponíveis como opcional. Há conexão Bluetooth e capacidade WiFi, enquanto que a duração da bateria é de cerca de quatro horas.

jarvish-x-ar-2018-1

O X e o X-AR não substituem a necessidade de pilotagem inteligente e segura. Nossa visão é melhorar a experiência de motociclismo com recursos inteligentes para que o piloto possa se concentrar na estrada a sua frente frente sem distrações”,enfatiza Jeremy Lu, CEO da Jarvish. “É sobre melhorar a experiência do motociclismo“, garante.

Além dos gadgets eletrônicos, os capacetes Jarvish prometem ser muito seguros. Tanto o modelo X quanto o X-AR são construídos integralmente em fibra de carbono. “Combinamos os últimos avanços do motociclismo com um capacete elegante e leve para motociclistas que amam tecnologia tanto quanto andar de moto“, continuou Jeremy Lu.

Cerca de quatro anos atrás, a marca norte americana Skully irrompeu a cena apresentando o AR-1 de características semelhantes. Apesar de muito promissor, o capacete ainda era apenas um protótipo e a firma uma principiante no mercado que clamava por investidores.

Dois anos depois, a Skully estava praticamente arruinada devido a obscuras manobras gerenciais e seus investidores de mãos vazias. Agora, no entanto, parece pouco provável que o mesmo aconteça com a Jarvish. Os capacetes já receberam o selo de aprovação da União Europeia e pretendem estar à venda na Amazon até o final do ano.


Sobre Lucas Carioli

Publicitário de formação, jornalista por opção, principalmente sobre o motociclismo, o único "ismo" que pratica. Quando não está escrevendo ou tocando rock, está perdido em alguma estrada com sua moto.