Honda Fireblade pode ter 1100cc e 212 cv em 2019


A mais recente geração da CBR1000RR Fireblade não parece ter agrado muito, principalmente no motor. Para consertar, a Honda estaria planejando o modelo de 2019 com cilindrada aumentada para 1100cc, e outras modificações que levantariam sua potência para 212 cv.

honda-cbr1000rr-fireblade-2019-youngmachine-render-jun2018-1A solução permite que o torque máximo apareça mais cedo e não apenas no pico das rotações, como na maioria dos motores com 4 cilindros em linha convencionais. A CBR1000RR SP2, versão de homologação para as pistas permaneceria com 1000 centímetros cúbicos.

Dessa forma, a marca japonesa iria pelo mesmo caminho feito pela Ducati com o motor Desmosedici Stradale, que equipa a Panigale V4. Na superbike derivada da MotoGP o propulsor possui 1.103 cm³, o que garante a exuberante potência de 214 cv à apenas 13.000 rpm.

A possibilidade foi veiculada pela revista japonesa Young Machine, que encomendou uma ilustração de como a nova Fireblade pode vir a ser. Além desses detalhes mecânicos, a carenagem contém asas aerodinâmicas, tal qual a RC213V conduzida por Marc Márquez e Dani Pedrosa na MotoGP.

E esse é o máximo que a nova superbike terá em comum com sua versão das pistas. Ainda de acordo com os japoneses, a chegada de uma nova motocicleta de rua com motor V4 não deve acontecer por enquanto, pelo menos não em 2019.


Sobre Lucas Carioli

Publicitário de formação, jornalista por opção, principalmente sobre o motociclismo, o único "ismo" que pratica. Quando não está escrevendo ou tocando rock, está perdido em alguma estrada com sua moto.