Anthony West é pego pela segunda vez no teste antidoping


Anthony West não correrá o Grande Prêmio de Portugal do World Supersport nesse final de semana porque foi pego em um teste antidoping. Já é a segunda vez que o australiano é pego em análises como essa.

anthony-west-2018O teste aconteceu durante a etapa passada, realizada em Misano, que apontou a presença de uma substância tipo estimulante “não especificada” encontrada na Seção 6 da lista substâncias proibidas pela Federação Internacional de Motociclismo (FIM).

De acordo com o comunicado emitido pela FIM, West ainda pode solicitar uma segunda análise da amostra de urina, caso acredite que um erro tenha sido cometido. Até lá, no entanto, o australiano está impedido de participar de qualquer competição esportiva sancionada pela federação.

Essa não é a primeira vez que West é pego em um exame antidoping. Em 2012, o piloto de 37 anos já havia sido suspenso por 18 meses, após um teste de rotina apontar a presença de dimetilamilamina. Apesar de ser um descongestionante nasal, a substância foi incluída em sua lista negra pela Agência Mundial Antidoping em 2009.

West é uma figura muito popular no Mundial de Velocidade, tendo ingressado nas 500cc em 2001. Contudo, sua única vitória aconteceu no Grande Prêmio da Holanda de 2003, nas 250cc. Depois, regressaria à Classe Rainha pela Kawasaki, antes de se debandar para o World Superbike, onde estava até hoje.


Sobre Lucas Carioli

Publicitário de formação, jornalista por opção, principalmente sobre o motociclismo, o único "ismo" que pratica. Quando não está escrevendo ou tocando rock, está perdido em alguma estrada com sua moto.