Rossi volta à pista esse fim de semana para tentar sétimo título no Rali de Monza


Agora Valentino Rossi vai descansar certo? Que nada. O Doutor já está pronto para acelerar novamente em quatro rodas no “Rali de Monza”, onde já é hexacampeão e pode conquistar o hepta nesse final de semana.

Rossi novamente vai competir com um Ford Fiesta WRC 400/01 Plus derivado do Mundial de Rali. Com um  motor turbo de 1.6 litros, injeção direta e quatro cilindros, sua potência pode chegar a 380 cv, com torque de 45,8 kgf.m.

O co-piloto também é o mesmo, Carlo Cassina com quem venceu no ano passado, apesar de ter sido penalizado por estar sete quilos abaixo do regulamento. Isso, no entanto, não he impediu de conquistar a vitória.

Rossi também gosta de carros. O italiano chegou a realizar testes pela Ferrari em 2006, visando uma séria substituição a Michael Schumacher no ano seguinte. Esse também foi o primeiro ano de vitórias no Rali de Monza. Outras viriam em 2007, 2012, 2015, 2016 e 2017.

Além de ser o único piloto a vencer o Rali de Monza seis vezes, o Doutor também terminou no pódio em todas as edições em que participou desde 2006. Recorde que sem dúvida tentará ampliar em 2018, uma temporada onde passou em branco de vitórias na MotoGP. A competição é realizada de 7 a 9 de dezembro.

Mas Rossi não é a única estrela das duas rodas participando do evento. Também estarão presentes o eneacampeão campeão mundial de motocross, Tony Cairoli, o mito do Supercross, Chad Reed (ambos com um Hyundai i20) e o lendário comentarista italiano Guido Meda.


Sobre Lucas Carioli

Publicitário de formação, jornalista por opção, principalmente sobre o motociclismo, o único "ismo" que pratica. Quando não está escrevendo ou tocando rock, está perdido em alguma estrada com sua moto.