CEO da Ducati abre as portas para a chegada de uma naked V4


O chefe da Ducati, Claudio Domenicali abriu a possibilidade de que a marca italiana apresente um modelo naked com motor V4 em breve. O empresário ainda se mostrou enigmático quanto à criação de um scooter.

Domenicali concedeu uma rápida entrevista à imprensa suíça para o Geneva International Motor Show que começa amanhã no país helvético. A marca italiana estará expondo os seus principais lançamentos no evento.

Domenicali respondeu à pergunta dos jornalistas com outra pergunta: “Vocês acham que deveríamos produzir uma moto dessas?” Com a evidente resposta positiva, o CEO disse: “Então ela estará lá o mais rápido possível”, cravou.


Quando a Panigale V4 foi lançada, Domenicali disse que a superbike daria origem a outros modelos com o mesmo motor.  O pensamento lógico é uma versão naked que poderia chamar-se Streetfighter V4, ressuscitando a motocicleta produzida entre 2008 e 2013.

Logo em seguida, os jornalistas emendaram outra questão há muito tempo especulada: a criação de um scooter da Ducati, já que a marca busca se expandir a segmentos de menor cilindrada e a Itália é um lendário expoente de motonetas, como a Vespa e a Lambretta. “É um plano secreto!” respondeu Domenicali com um sorriso no rosto.

A Ducati foi uma das mais marcas que mais cresceu ao longo dessa década, quando apresentou modelos muito diferentes do que estava acostumada, como a Scrambler de 400 e 800cc, além da XDiavel e Multistrada Enduro. Se quiser continuar na mesma toada nos próximos anos, a criação de uma naked V4 e um scooter podem ser os próximos passos.