Ducati do Brasil inicia pré-venda da Panigale V4 R


A Ducati do Brasil anunciou ontem (8) que iniciou a pré-venda da Panigale V4 R no País, a versão de homologação da motocicleta para competir no Mundial de Superbike. O modelo mais bravo da linha tem previsão de chegada para outubro.

Apresentada no Salão de Milão do ano passado, a versão R contém uma série de diferenças em relação ao modelo standard, a começar pela cilindrada do motor, que é menor: exatos 998 cm³ para obedecer ao regulamento do Mundial de Superbike.

A potência máxima, no entanto, é maior, 221 cv a 15.250 rpm e que pode ser estendida para 234 cv a 15.500 rpm, se o proprietário instalar um sistema de exaustão especial da Akrapovic e remapear a ECU da motocicleta com autorização da fábrica.


Em termos de design, as maiores diferenças da versão R são as barbatanas nas carenagens laterais e a introdução de pequenas asas, como na MotoGP. Essa é a primeira moto de produção da Ducati a conter os artifícios aerodinâmicos.

Graças ao maior emprego de materiais nobres, como fibra de carbono, alumínio e titânio, a Panigale V4 R também é mais leve: apenas 165 kg, o que resultou em uma relação peso/potência impressionante: 1,42 cv/kg.

O esforço já está obtendo o seu retorno. Desde a sua estreia no Mundial de Superbike em fevereiro, a Panigale V4 R venceu simplesmente todas as etapas até agora com o piloto Álvaro Bautista, encerrando um domínio da Kawasaki que já durava quatro temporadas.

A Ducati do Brasil não entrou em maiores detalhes sobre a pré-venda da Panigale V4 R, mas informou que o exclusivo modelo já pode ser encomendado por R$ 250 mil reais e sua previsão de chegada ao Brasil é em outubro.