WSBK: Honda vai construir superbike com motor V4, aposta Ducati


A Honda não deve ficar de braços cruzados assistindo o sucesso da Ducati no Mundial de Superbike. Os italianos apostam que a marca japonesa deve apresentar uma nova motocicleta com motor V4 nos próximos anos.

Honda RC213V-S: derivada da MotoGP, assim como a Ducati Panigale V4. (Divulgação)

A Honda voltou ao campeonato de forma oficial esse ano, mas os resultados têm sido muito aquém do esperado. A marca japonesa é a última colocada entre as construtoras, com apenas 30 pontos. Enquanto isso a Ducati já soma 236.

O pessoal da Honda não é estúpido, eles estão construindo um motor V4 em resposta ao Panigale V4R“, disse uma fonte da Ducati aos alemães do Speedweek. Atualmente eles utilizam a CBR1000RR Fireblade SP2, versão de homologação.

Leon Camier, com a CBR100RR em 2019: fracos resultados.

De fato, a Honda tem os recursos para se sair muito melhor no Mundial de Superbike. Em 2015, eles lançaram a RC213V-S, versão de rua do protótipo que Marc Márquez utiliza na MotoGP. Custando 188 mil euros, a motocicleta teve todas as suas unidades vendidas em poucos dias.

Se pararmos para pensar, é a mesma ideia que a Ducati teve ao conceber a Panigale V4 R, que venceu, até agora, todas as corridas do Mundial de Superbike em 2019. A moto tem o mesmo DNA da Desmosedici GP15 de MotoGP.

Se eu fosse um designer da Honda, escolheria um conceito V4, eles têm tudo no kit“, afirmou um engenheiro de motores da MotoGP na mesma reportagem. “A Honda tem a RC213V-S comercialmente disponível, com o qual até já correu no Troféu Turista da Ilha de Man“, relembrou.

Parece simples, mas existem alguns empecilhos. Para correr com a RC213V-S no campeonato, a Honda teria que retomar a sua produção ao mínimo exigido pelo regulamento. Outra questão seria baixar o seu preço: a Panigale V4R, por exemplo, é comercializada por 40 mil euros e já é a mais cara do grid.

A outra possibilidade é que a marca da asa crie uma motocicleta inteiramente nova baseada na RC213V. Evidencias disso já foram apuradas nos últimos anos, mas ultimamente tem se falado mais em uma nova geração da Fireblade.