Spa-Francorchamps sediará corrida de 24 horas em 2022


Os organizadores do Mundial de Endurance (EWC) e de Spa-Francorchamps anunciaram hoje (15) que o lendário circuito belga hospedará novamente uma corrida de motos em 2022. A etapa, que integra o calendário do campeonato, terá 24 horas de duração.

As 24 Horas de Spa-Francorchamps serão realizadas em um formato diferenciado, com a largada dada na sexta-feira às 22h00 locais e a chegada acontecendo na noite do dia seguinte. Com isso, o domingo fica liberado para que os fãs possam entrar na pista com suas motos.

Este é um ótimo dia para o Mundial de Endurance da FIM“, disse François Ribeiro, chefe da Eurosport Events, empresa que administra o campeonato. “Correr em Spa-Francorchamps é um dos melhores desafios esportivos que podemos oferecer aos nossos pilotos e equipes”.

Spa não é desconhecida para o motociclismo. A pista que cruza uma densa floresta na região das Ardenas já sediou etapas do Campeonato Mundial entre 1949 e 1990. A corrida de 24 Horas também já foi realizada entre 1973 e 2003. A partir de agora, o campeonato terá três corridas nesse formato, ao lado das já tradicionais Le Mans e Bol ‘dOr.

Este é um evento altamente simbólico no período que antecede o nosso centenário, já que a primeira corrida a ser realizada no Circuito em 1921 foi uma corrida de motos“, lembrou a CEO do circuito, Nathalie Maillet. “Spa-Francorchamps é uma magnífica vitrine para o automobilismo, tanto de duas rodas quanto de quatro rodas. A realização de um novo evento mundial em nossa pista histórica é prova da atratividade do nosso circuito”.

Originalmente, o circuito contava com mais de 20 quilômetros de extensão e muitas curvas perigosamente rápidas. Em 1983 passou por uma grande reforma que lhe deu o layout atual, com cerca de 7 km. Entretanto, os organizadores ainda terão trabalho em tornar a pista mais segura para o motociclismo.

“Será um grande desafio adaptar o circuito mais bonito do mundo aos padrões de segurança da FIM sem comprometer o layout atual da pista respeitando os requisitos da FIA na Fórmula 1, em conjunto com as duas federações internacionais“, admite François Ribeiro. A corrida deve acontecer em junho de 2022.