Kawasaki do Brasil anuncia chegada de nova Versys 1000 já com preço definido


A Kawasaki do Brasil anunciou ontem (10) que a nova Versys 1000 estará disponível muito em breve nas concessionárias do País. A crossover da marca verde será oferecida em duas versões, Standard e Grand Tourer.

Moderníssima, a Versys 1000 está ainda mais confortável. (Divulgação)

Apresentada no Salão de Milão de 2018, a nova Versys 1000 não chega a ser de uma nova geração, mas recebeu diversas atualizações em relação ao modelo anterior. O design, embora de aspecto semelhante, possui novas linhas e tem como principal alteração um pequeno bico sobre o para-lama e piscas integrados à carroceria.

A maior parte das novidades, no entanto são de ordem eletrônica. Graças a uma nova IMU, semelhante a que equipa a sport-touring Ninja H2 SX, a Versys 1000 conta agora com uma suspensão semi-ativa da Showa, capaz de regular as bengalas e o amortecedor em tempo real na estrada. Tudo integrado aos modos de pilotagem, controles de tração e ABS, é claro.

Os piscas agora são integrados às laterais. (Divulgação)

Além disso, a nova Versys 1000 conta também com cruise control de série, quickshifter bidirecional, luzes que acompanham o movimento das curvas e para-brisa regulável de forma elétrica. O painel, embora ainda seja do tipo misto, agora tem display digital em TFT na versão topo de linha, enquanto a Standard continua com o painel antigo, chamado de “monocromático”.

O chassi, em dupla trave de alumínio e o motor de quatro cilindros em linha e 1043 cm³, ambos derivados da naked Z1000 não foram alterados, com exceção das válvulas do acelerador, que agora são controladas eletronicamente O rendimento é de 120 cv a 9.000 rpm, com um torque máximo de 10,4 kgf.m a apenas 7.000 rotações, muito antes de sua prima descarenada e da Ninja ZX-10R.

No exterior, a nova Versys 1000 também compartilha com a Ninja H2 SX a versão “SE” e a inovadora tinta corretiva, capaz de apagar pequenos riscos. No Brasil, contudo, as opções serão a Standard (R$ 55.490), disponível apenas na cor laranja, e Grand Tourer (R$ 66.990), que vem unicamente na cor verde com diversos acessórios de série, como malas e top case, manoplas aquecidas, faróis auxiliares, entre outros. A moto chega às concessionárias em julho.