Salão de Milão: Kawasaki Z900 ganha facelift e novo painel para 2020


A Kawasaki está apresentando no Salão de Milão uma Z900 atualizada para 2020. A naked tetracilíndrica ganhou sua primeira atualização estética desde o lançamento e um novo e mais moderno painel digital TFT.

O motor permanece praticamente o mesmo, mas uma pequena modificação (que consiste principalmente de um conversor catalítico mais eficiente no escapamento) precisou ser feita para enquadrar a motocicleta às novas leis de emissões do Euro5.

Felizmente isso não alterou o desempenho do motor tetracilíndrico de 948 cm³, que continua oferecendo 125 cv a 9.500 rpm e 10,1 kgf.m a7.700 rpm, suficientes para horas de diversão em ruas e estradas.


O design geral, que segue os conceitos de design que eles chamam de Sugomi foi lapidado e ficou mais nítido e anguloso. Basicamente, o conjunto óptico dianteiro está mais parecido com a Z400 e a novíssima Z H2, nova rainha da linha.

As principais novidades se concentram na parte eletrônica. A Z900 possui agora um novo painel digital TFT de 4.3 polegadas, o mesmo que equipa a Z650. Além de possuir melhor visualização que o antigo, o novo display possui conectividade bluetooth com o seu smartphone através do app Radiology da marca.

Além disso, a Z900 conta agora com iluminação completa de LED, novos pneus Dunlop Sportmax Roadsport 2, de melhor performance e calibragem das suspensões reajustadas para aprimorar a dirigibilidade. Na Europa, a motocicleta será oferecida nas cores branca, preta com verde, preta com vermelho e a tradicional verde.