Novas asas aerodinâmicas aparecem nos projetos da Honda


A Honda parece ter gostado de experimentar asas aerodinâmicas em superbikes. Esse registro de patente aqui detalha mais um projeto para aumentar o downforce das motocicletas em altas velocidades.

Como você pode perceber, são oito pequenos apêndices aerodinâmicos, quatro de cada lado. Além de possuírem o formato de asas invertidas, as peças também parecem servir como entradas (ou saídas) de ar nas carenagens laterais.

O projeto descoberto pela imprensa britânica utiliza uma Honda RC213V, campeã com Marc Márquez na MotoGP. Entretanto, o protótipo do espanhol utiliza uma asa de formato diferente, que parece imitar uma gravata borboleta.

Um dos desenhos inclui uma carenagem completamente diferente, que parece vir de uma sport-touring, o que demonstra que a Honda pensa em colocar a novidade em mais modelos carenados de sua linha.

Nos meses, a Honda tem mostrado muito interesse na utilização de asas aerodinâmicas. Outro registro de patente já havia sido descoberto tendo como base a nova CBR1000RR-R Fireblade, que acabou de ser lançada com os apêndices, no Salão de Milão.

O interesse é tão notório que os organizadores do Mundial de Superbike decidiram limitar a utilização dessas peças na próxima temporada do campeonato. Não é segredo que a marca japonesa busca voltar a vencer no certame, o que não acontece desde 2001.