Rossi vence duelo eletrizante com Márquez na Argentina

Valentino Rossi fez história novamente hoje (19) ao vencer o Grande Prêmio da Argentina, em Termas de Rio Hondo. O italiano travou um duelo espetacular com Marc Márquez, que acabou caindo na penúltima volta.

03 GP Argentina. Termas de Rio Hondo. 16 a 19 de abril de 2015.

Rossi deu uma aula de perseverança e venceu depois de largar na oitava posição. (Foto YamahaMotoGP)

A prova vinha sendo inteiramente dominada por Márquez, que perdera a ponta para Aleix Espargaró apenas na largada. Entretanto, antes do final da primeira volta, o bicampeão do mundo já estava à frente.

Sem moto para acompanhar, Espargaró rapidamente foi ficando para trás, superado por Cal Crutchlow, Andrea Dovizioso, Andrea Iannone, Jorge Lorenzo e Rossi. O Doutor, que havia largado apenas na oitava posição escolheu arriscar, colocando os novos pneus extra-duros, enquanto Márquez, que já abria à frente, escolhera os duros.

Novamente explorando ao máximo a experiência adquirida em mais de 20 anos de motovelocidade, Rossi pouco a pouco foi ultrapassando os seis primeiros na medida em que suas motos começavam a sofrer com o desgaste dos pneus. Em poucas voltas o italiano pulou de sexto para segundo. Márquez, no entanto já corria com 4s5 de vantagem na liderança.

A situação parecia tranquila, mas Márquez também começou a sofrer a pressão de Rossi, que se aproximava com a Yamaha em melhores condições que a Honda. As dez últimas voltas foram inteiramente dedicadas à retirar essa diferença, que finalmente ficou zerada à duas voltas para o final.

Já com a moto sem a menor aderência, Márquez tentou resistir, mas quando os dois competidores chegaram ao final da reta oposta, Rossi já estava a frente. O espanhol, não se conformou e tentou acelerar tudo para recuperar a liderança e, no processo acabou tocando na roda traseira do adversário, perdendo o controle.

RossiMarquez3Márquez não se machucou, mas sua ousadia custou caro, pois acabou fora da prova. Rossi, então cruzou a linha de chegada tranquilamente à frente de Dovizioso, com mais de 5s de vantagem. Cal Crutchlow também realizou uma ultrapassagem antológica sobre Iannone na última curva da última volta, conquistando o terceiro lugar.

Iannone ficou em quarto, Lorenzo em quinto e Bradley Smith em sexto. Depois do excelente começo, Espargaró precisou se conformar com a sétima posição, à frente de seu irmão Pol Espargaró em oitavo, e Scott Redding em nono. Maverick Viñales fechou os dez primeiros. Confira aqui os resultados completos do Grande Prêmio da Argentina.

Deixe uma resposta