Triumph Thruxton passa por Recall nos Estados Unidos


Recall é o que não está faltando na Triumph dos Estados Unidos. Agora é a vez da linha Thruxton, que precisa voltar às concessionárias para corrigir um problema no descanso lateral.

Nem a diferenciada Thruxton TFC escapou de seu primeiro Recall. (Triumph/Divulgação)

O problema acontece na mola do suporte de apoio lateral, que pode se romper permitindo que o interruptor de segurança ative e desligue o motor. A Thruxton, assim como muitos outros modelos corta a ignição se o descanso lateral estiver abaixado.

Como o desligamento repentino e inesperado do motor pode resultar em um acidente, a Agência Norte-Americana de Segurança no Transito (NHTSA) emitiu um nota de Recall para a Triumph, que deve começar em 10 de fevereiro.


Curiosamente, os documentos que justificam o Recall afirmam que a fratura da mola acontece de uma “ressonância de frequência” na motocicleta, quando o suporte está na posição para cima. A Thruxton possui um motor de dois cilindros em linha de 1200cc.

Para solucionar o problema, a marca britânica notificará os proprietários norte-americanos afetados e os concessionários substituirão a mola do suporte por uma que possua uma carcaça de borracha gratuitamente.

Cerca de 3.244 unidades dos modelos Thruxton (2016-2018), Thruxton R (2016-2019) e Thruxton TFC (2020) são afetadas pelo problema. No Brasil, o modelo é oferecido na versão R a partir de R$ 58.800.

Os últimos meses têm sido bastante movimentados para a Triumph dos Estados Unidos no quesito Recall. Ainda ontem noticiamos o chamamento da Speed Twin que ocorrerá a partir de 27 de janeiro e no final do ano passado a Speed Triple RS foi chamada de volta às concessionárias por um defeito no quickshifter.