Na Europa, Honda fará Recall com a CBR1000RR-R


A Honda CBR1000RR-R Fireblade mal chegou às concessionárias europeias, mas já está escalada para um Recall. O problema acontece nas bielas, que podem ter um defeito metalúrgico.

De acordo com a apuração do Asphalt and Rubber, as bielas do motor de quatro cilindros (que foi totalmente revisto no novo modelo) podem não ter sido confeccionadas com a durabilidade esperada, ocasionando uma falha grave em utilização.

É importante ressaltar, no entanto, que a Honda não tem nenhum relato de problema nas bielas até o momento. O Recall é programado apenas de maneira preventiva, já que espera-se uma utilização severa da CBR1000RR-R.


A marca japonesa diz que, no total, cerca de 300 unidades são afetadas pelo recall pendente, que é aproximadamente um décimo do total de motocicletas que devem ser enviadas para os países europeus.

Eles afirmam ainda que o problema não deve afetar as unidades que serão enviadas à América do Norte. Com os problemas resultantes do Coronavírus, Estados Unidos e Canadá ainda nem receberam a CBR1000RR-R.

Portanto parece pouco provável que esse Recall afete também as unidades enviadas ao Brasil, quando isso acontecer. Por outro lado, vai ser interessante saber o seu preço – que já indicava ser estratosférico – no mundo Pós-Coronavírus.