Nos EUA, Kawasaki Ninja ZX-10R passará por Recall


A Kawasaki dos Estados Unidos anunciou que fará um Recall com a linha Ninja ZX-10R. O problema acontece na programação da ECU da motocicleta, que pode gerar combustível em excesso no escapamento e comprometer as válvulas.

A configuração eletrônica da ECU, em conjunto com a utilização do quickshifter bidirecional favorece a formação de línguas de fogo (backfire) em excesso no escapamento em rotações elevadas do motor. Isso cria uma grande força de combustão no sistema de escape, o que pode levar as válvulas de sucção a derreter e/ou pegar fogo.

O problema foi descoberto pela Kawasaki Motor Europe, em dezembro do ano passado. Em fevereiro de 2020, a Kawasaki Heavy Industries no Japão confirmou que a programação da ECU estava com problemas. Nos EUA, o Recall foi emitido pela Agência Norte-Americana de Segurança no Trânsito (NHTSA).


Nos EUA, 1.529 unidades da Ninja são afetadas por esse recall, o que inclui as versões ZX-10R, ZX-10R ABS e ZX-10R KRT, todas fabricadas entre 2019 e 2020. O chamamento deve começar em 8 de junho de 2020 e a Kawasaki notificará os proprietários afetados.

Todos os revendedores da Kawasaki reprogramarão a ECU e inspecionarão as válvulas de sucção de ar e as peças ao redor, substituindo-as conforme necessário. Todos os reparos serão realizados gratuitamente. Como a ZX-10R é comercializada no Brasil, os proprietários brasileiros devem ficar atentos.