Fábrica da BMW em Manaus amplia capacidade para 15 mil motos ao ano


A BMW Motorrad do Brasil informou hoje (19) que conseguiu aumentar a capacidade produtiva da fábrica em Manaus de 10 mil para 15 mil unidades ao ano, graças a um estudo de otimização dos processos de montagem.

O primeiro passo que contribuiu para o aumento na capacidade produtiva foi a unificação das linhas de montagem do chassi e do motor, o que reduziu ineficiências gerais no processo, como movimentações, estoques intermediários e tempos de espera, convertendo estes ganhos em produtividade geral.

O passo seguinte foi o ganho de eficiência por intermédio de aperfeiçoamentos na cabine de testes de rodagem. Após um estudo, foi possível alcançar a capacidade desejada nessa etapa do processo, com ganhos no balanceamento e distribuição geral dos trabalhos, treinamentos, melhorias em software e otimização dos mecanismos internos do equipamento.


O nosso foco é sempre na melhoria contínua e no aperfeiçoamento de processos em todas as etapas da cadeia produtiva. Estamos preparados para atender uma crescente demanda não apenas com uma capacidade expandida, mas também com maior flexibilidade para a operação em Manaus”, afirma Edyones Oliveira, Gerente de Planejamento Técnico do BMW Group em Manaus.

É surpreendente o que pessoas verdadeiramente engajadas são capazes. O devido comprometimento e transparência entre as áreas envolvidas nos permitiu atuar nos pontos-chave e de maior valor agregado a toda a cadeia produtiva. Estou muito orgulhoso do time que conseguiu viabilizar esta ampliação e possibilitar o atendimento à crescente demanda dos nossos produtos no mercado brasileiro”, afirma Jefferson Dias, Diretor Geral da fábrica do BMW Group em Manaus.

Inaugurada em 2016, a fábrica é a primeira (e por enquanto única) inteiramente dedicada à produção de motocicletas fora da Alemanha. Ainda nesse mês, eles atingiram a marca de 70 mil motocicletas produzidas. O número foi alcançado com o modelo BMW F850GS, produzido no dia 6 de novembro.