Agentes do FBI entraram na sede da Ducati norte-americana em dezembro


Essa notícia você não recebe em comunicados: agentes do Departamento Federal de Investigação norte-americano (FBI) entraram na sede da Ducati da América do Norte em dezembro. Os motivos ainda não foram esclarecidos.

De acordo com a imprensa estadunidense, cerca de 30 agentes táticos armados entraram na sede da marca italiana no dia 17 de dezembro com um mandado de busca em mãos. Em conversa com o site RoadRacing World, a porta-voz do FBI Katherine Zackel confirmou a ação.

Posso confirmar que o FBI de San Francisco estave naquele local em 17 de dezembro de 2020, para conduzir atividades de aplicação da lei autorizadas pelo tribunal“, disse a agente. “Até a data, nenhum registro público está disponível. Devido à natureza em andamento da investigação, não posso comentar mais no momento.”


O Diretor de Marketing da Ducati, Phill Read Jr também confirmou os acontecimentos: “É prática da Ducati da América do Norte cooperar totalmente com as consultas de agências governamentais. Como parte dessa cooperação, a Ducati North America não comenta essas investigações.”

Segundo o Asphalt and Rubber, residências pessoais de vários funcionários de alto nível da Ducati também foram submetidas aos esforços de busca do FBI. O escopo da busca estaria relacionado a uma investigação de crime financeiro.

Mas ainda não está claro se a Ducati é o foco da investigação do FBI ou se as notícias de hoje estão relacionadas a uma investigação que diz respeito a outra parte. Fique atento para mais informações assim que estiverem disponíveis.